Aluna do Colégio das Neves atinge nota 1000 na redação em simulado da FTD



Aluna do Colégio das Neves atinge nota 1000 na redação em simulado da FTD

Praticar é o exercício essencial para desenvolver a habilidade em qualquer área. Foi assim que a aluna do Pré-Neves,Letícia Carvalho, conseguiu atingir a nota máxima na redação do simulado da Editora FTD. A avaliação segue a mesma estrutura do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e tem o objetivo de exercitar e acompanhar o desenvolvimento dos alunos que se preparam para a prova.

O simulado aconteceu no fim do mês de agosto, em uma avaliação online realizada no Neves, e contou com o acompanhamento e fiscalização dos professores. O resultado foi divulgado no último dia 14 de setembro. O tema da proposta de redação foi "A TV no século XXI". Para Letícia, foi um tema bom. "Eu já tinha alguns conhecimentos que pude utilizar nos argumentos e acho que isso ajudou muito, especialmente porque eram acontecimentos bem atuais", explica.

A estudante, que tem como objetivo ingressar no curso de Direito da UFRN, ficou bem feliz com o resultado, e acredita que o que facilitou na construção do texto foram algumas estratégias que aprendeu com as aulas no colégio. "Sempre planejo sobre o que e como vou escrever. Olho o tema, organizo as informações que tenho e começo a construir as argumentações. Isso faz uma diferença enorme", ressalta Letícia, que ainda aponta a importância de ter um conhecimento amplo. "Todos os conteúdos ajudam. Ciências exatas, humanas, da natureza, quanto mais você entender do que está escrevendo, melhor", completa.

O professor de Língua Portuguesa e Produção Textual do Colégio das Neves, Edson Moisés, conta que é importante praticar a escrita. "Letícia tem essa questão da constância e do planejamento de texto, que é muito importante. Então ela conseguiu reunir essas informações e construir argumentos com muita competência", opina.

O simulado da FTD é um de um total de seis que acontecem durante todo o ano e têm como público alvo os alunos do Ensino Médio, especificamente os concluintes. Para Edson, essas simulações são essenciais. "Essas avaliações são calibradas de acordo com o exame que os alunos enfrentam no final do ano, seja na correção como na composição do conteúdo da prova", afirma o professor, que não esconde o orgulho de acompanhar o desenvolvimento de Letícia. "É um bom sintoma de evolução dela né. Ás vezes a gente pensa nessa nota 1000 como massagem para o ego, mas o principal é perceber a conquista como um sinal de que se está no caminho positivo", concluiu.